Categories
Conversations

Ableist expressions

You may thing that an autistic community is exagerating when it comes together against these claims and that it is just an expression.

But imagine that a society used your name to describe something stereotypical and wrong about you that would make it harder to fight for what you believe.

No .. Autism is not our name. But it impacts every day of our life.

This type of expressions that use neurodiversities, mental illnesses or disabilities as an adjective is ableist and is more harmful than you think. When using it as something harmful, ugly or funny, you dismiss how these conditions impact the lives of millions of people worldwide.

So many activists are fighting for the rights and integration of people with disabilities around the world, but much of what we ask for, even reasonable things, are ignored. If you, who have 2 million followers, use it as an insult, you will be making present to 2 million people that there is no problem in reduce these conditions and disabled people, as an insult. An ugly word, an ugly person.

This prejudice, which in nowadays seems most times socially accepted by most, will be a stone in our path, which to be honest, it seems like a mountain some days.

We are much more than our disabilities. We are full, complete people with dreams. We are not an insult, and neither is our disability.

Don’t forget that the group of people with disabilities is the only minority that you, or someone you love, can join at any given time in life.

We need allies, not more stones in the way.


Pode achar que a comunidade autista quando se junta contra estas afirmações está a exagerar e que é só uma expressão.

Mas imagine que a sociedade usava o seu nome para descrever algo estereotipado e errado sobre si, que faria com que fosse mais difícil lutar pelo que acredita.

Não.. Autismo não é o nosso nome. Mas impacta todos os dias da nossa vida.

Este tipo de expressões que usam neurodiversidades, doenças mentais ou deficiências como adjetivo é capacista e é mais prejudiciais do que se pensa. Ao utilizar como algo prejudicial, feio ou com piada, diminui o quanto estas condições impactam a vida de milhões de pessoas no mundo todo.
Tantos activistas lutam pelos direitos e integração de pessoas com deficiências pelo mundo todo, mas muito do que pedimos, até coisas relativamente acessíveis, são ignoradas. Se você que tem 2 milhões de seguidores usa como insulto, irá ficar presente nesses 2 milhões de pessoas que não há problema de diminuir estas condições e as pessoas que as têm, a um insulto. Uma palavra feia, uma pessoa feia.

Esse preconceito que hoje em dia parece grande parte das vezes socialmente aceite, irá ser uma pedra no nosso caminho, que para ser sincera tem dias que vira montanha.

Nós somos muito mais que as nossas deficiências ou incapacidades. Nós somos pessoas inteiras e completas com sonhos. Nós não somos insultos, nem a nossa deficiência/incapacidade.
Não se esqueça que o grupo de pessoas com deficiências é a única minoria que você, ou alguém que ama se pode juntar a qualquer altura da vida.

Precisamos de aliados, não de mais pedras no caminho.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s